A meia-entrada

fevereiro 15, 2007 at 12:22 pm 2 comentários

Todo mundo conhece a famigerada carteirinha de estudante. Aquela verdinha, feita de PVC, com foto do titular e que beneficia o seu portador com 50% de desconto em espetáculos culturais e esportivos. Cinema, teatro, museus, shows e jogos de futebol pela metade do preço. Cortesia do governo federal, certo?

Errado. Quem paga o preço somos todos nós, de qualquer maneira. O governo brasileiro, como de costume, dá esmola com o dinheiro dos outros. O promotor do espetáculo que é obrigado a conceder 50% de desconto, não tem contrapartida alguma.

O resto é matemática pura. Suponhamos que a produção de um show tenha um custo total de 100 mil reais, entre cachê, aluguel do espaço, equipamentos de som e luz, segurança, bilheteria, etc. Suponhamos que o promotor queira um retorno de 20% do capital investido. Temos aí que o faturamento do show tem que ser de 120 mil reais.

Supondo ainda que a casa tenha capacidade para 2 mil pessoas, e que todos os ingressos serão vendidos, o preço unitário do ingresso deveria ser de 60 reais. Certo?

Errado, porque com ingressos a 60 reais, os estudantes pagariam apenas 30. Se 60% do público for de estudantes, a arrecadação total do show seria de 84 mil reais, o que não cobre nem o custo do promotor. O que se faz então? Simples, dobra-se o valor do ingresso. O show que custaria 60 reais para todos se não existisse a meia-entrada, vai custar 60 para os portadores de carteirinha e 120 para os não-portadores. E quem foi que pagou meia no final das contas? Ninguém.

E assim batemos recordes de preços em espetáculos artísticos. De 140 a 500 reais pra ver Roger Waters, 130 pro show dos Pet Shop Boys, sessões de teatro a 60 reais, e por aí vai.

PS: A situação já seria feia se apenas estudantes portassem a carteira de estudante. Mas é de conhecimento geral que não há nada mais fácil que conseguir uma mesmo sem nunca ter colocado a bunda numa cadeira de escola. Quem fiscaliza? Ninguém, é claro.

Entry filed under: Isso é Brasil, Política. Tags: .

Pequena Miss Sunshine The Blues Traveler

2 Comentários Add your own

  • 1. Valdecir Carvalho  |  março 19, 2007 às 7:22 pm

    Concordo com vc. Escrevi até um post no meu blog sobre isso… Hoje começou a venda de carteirinhas aqui no meu prédio. FICO PUTO com isso… pq no final me sinto um otário.

    Um abraço
    Valdecir

    Responder
  • 2. wesley  |  junho 25, 2007 às 2:34 pm

    preciso de uma carteirinha de estudante obrigado!

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds


%d blogueiros gostam disto: