Bush e o ódio brasileiro

março 9, 2007 at 1:09 pm Deixe um comentário

Impossível não falar da visita de Bush, e das muitas manifestações contrárias ocorridas ontem.

George W. Bush é um presidente controverso. Foi eleito em 2000 de maneira apertada, dependendo de decisão da Suprema Corte (apesar de discordar da decisão, Gore reconheceu a vitória de Bush). Viu o maior e mais surpreendente ataque terrorista da história acontecer debaixo do seu nariz. Invadiu dois países, e tomou decisões unilaterais a respeito da guerra, passando por cima da ONU.

Depois de tudo isso, foi reeleito. Seus níveis de aprovação vêm caindo, perdeu a maioria no Congresso, aumentam as pressões pela retirada das tropas no Iraque, aumenta o orçamento militar, mas não é tão difícil que consiga eleger seu sucessor.

George W. Bush e Luis Inácio Lula da Silva são muito parecidos sob um aspecto: sabem falar com o povão. Lula fala de futebol, faz caretas, bebe cerveja, comete gafes. Bush também bebe cerveja, também faz caretas, e fala muita bobagem.

O povo brasileiro se identifica com Lula pela origem pobre, pela falta de educação e pela aparente imbecilidade. O povo americano se identifica com Bush por sua riqueza, seu estudo, e pela também aparente imbecilidade. Lula e Bush representam muito bem os povos que governam. Mas sabemos que ambos são muito, muito inteligentes.

O cerne da questão do ódio ao Bush, ao meu ver, não passa de pura e simples inveja. Se fizéssemos uma rápida pesquisa na Av. Paulista, descobriríamos que de cada dez, doze manifestantes diriam que jamais viveriam nos EUA. Por causa do “imperialismo capitalista assassino”, que no fundo equivale a dizer que eles são ricos.

Os EUA é um país rico, muito rico. Ofensivamente rico, para nós brasileiros. E para o brasileiro, riqueza é ofensa. Qual a maior ofensa que podemos sofrer do que receber o presidente do país mais rico do mundo? Enquanto estão jogando na nossa cara a opulência do seu Air Force One, a grandiosidade das limusines blindadas, os mil e tantos membros da equipe de segurança, responsabilizamos George Bush pela nossa pobreza, pela nossa mediocridade, pela nossa total e completa falta de rumo como país.

Os EUA é tudo que nós poderíamos ter sido e não fomos. O sucesso dos EUA é a prova mais cabal e contundente do nosso fracasso. E por isso vamos às ruas gritar “Fora Bush”, para que não tenhamos que nos responsabilizar por nossos erros. E depois que ele for embora levando toda sua riqueza, podemos voltar a acreditar que vivemos no melhor país do mundo.

Entry filed under: Isso é Brasil, Política. Tags: .

Gostaríamos de informa-lo de que amanhã seremos mortos com nossas famílias Sexo Anal [uma novela marrom]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds


%d blogueiros gostam disto: